espaços de afeto


expressing cities

Estou lendo e relendo sobre a história urbana e cultural do Rio de Janeiro, sobretudo sobre os bairros do centro da cidade e de sua relação com o samba. Em vários textos, a Pedra do Sal, no bairro da Saúde – Zona Portuária, e a Praça Onze, no Estácio / Cidade Nova aparecem como berços do samba, juntamente com a Lapa, que também era um local de encontro de músicos e compositores.

Me emociona pensar como esse patrimônio cultural – material, mas sobretudo, imaterial – permanece vivo, pulsante, até hoje, mesmo tendo a cidade passado por tantas transformações.

Estes locais foram e ainda são espaços de afeto, que a filósofa, poetisa, professora e outras mil-e-uma habilidades, Viviane Mosé, define como espaços que nos afetam e espaços que afetamos, ou ainda, que nos quais estabelecemos relações de afeto com outras pessoas.

Pensando nestes significados e neste patrimônio, é triste ver a…

View original post 188 more words

Advertisements

About agogo22

Director of Manchester School of Samba at http://www.sambaman.org.uk
This entry was posted in General. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s