RAPadura é doce mas num é mole


COLETIVO BANG MEXERICA

RAPdura
Historicamente o repente é uma mistura entre poesia, música e improviso. O raciocínio rápido, a criatividade e os duelos lembram em muitos aspectos o rap contemporâneo. Com isso em mente, o cearense Francisco Igor Almeida do Santos incorporou essa rica tradição e criou a fusão entre o rap e a embolada.

Sob a alcunha de RAPadura Xique-Chico, o rapper apropria-se da embolada, do maracatu, do baião e das cantigas de roda em meio a letras contundentes que tratam da cultura nordestina, da seca e dos contrastes com o cenário urbano.

Músicas como “Norte e Nordeste Me Veste” trazem mensagens como “Não vejo cabra da peste, só carioca e paulista, só freestyleiro em nordeste, não querem ser repentistas, rejeitam xilogravura, o cordel que é literatura, quem não tem cultura, jamais vai saber o que é RAPadura!”

Com sagacidade e estilo próprio, RAPadura lançou sua FITAEMBOLADA do Engenho e conquistou a…

View original post 73 more words

Advertisements

About agogo22

Director of Manchester School of Samba at http://www.sambaman.org.uk
This entry was posted in General. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.